Juros Simples x Juros Compostos

3
290
Pilha de dinheiro
- Anúncios -

Para entendermos de investimentos, precisamos compreender o que é e como funciona uma fundamental propriedade da Rentabilidade, os Juros.

A saber, os juros incidem nos investimentos como uma a remuneração cobrada pela realização do investimento. Logo, juro é o rendimento que se obtém quando se aplica dinheiro por um determinado período de tempo.

Os juros podem ser empregados de duas principais formas: Juros simples e Juros compostos.

Juros Simples

Por modelo de Juros simples, a taxa de juros é aplicada sobre o valor inicial de forma linear em todos os períodos, ou seja, não considera a mudança do valor crescente ao longo do tempo.

Por exemplo, em um investimento de R$1.000 com uma taxa de juros simples de 15% a.a. (ao ano), a cada ano o investimento terá um rendimento de 150 reais. Logo, no segundo ano, o montante (valor inicial mais o rendimento) será de R$1.150. No terceiro ano, serão acrescidos ao montante novamente o valor de 150 reais, correspondente aos 15% a.a. dos R$1.000 inicialmente investidos e assim por diante durante o período de duração do investimento.

Podemos ilustrar o rendimento de juros simples por meio da tabela a seguir:

Tabela com juros simples

Dessa forma, percebe-se que o rendimento permanece de R$ 150,00 durante todos os períodos do investimento.

Juros Compostos

Em contrapartida, por modelo de Juros compostos, a taxa de juros é aplicada sobre o valor corrigido nos períodos seguintes. Nessa situação, a mudança do valor crescente é sempre considerada ao longo do tempo.

Utilizando o mesmo exemplo, em um investimento de R$1.000 com uma taxa de juros composta de 15% a.a., apenas o primeiro ano terá um rendimento de 150 reais. Isso, pois, no segundo ano, a taxa de juros será calculada sobre o montante gerado, e não sobre o valor inicial.

No segundo ano, será corrido o cálculo para 15% do valor gerado de R$1.150, ou seja, terá um rendimento de R$172,50 e não de R$150,00 como no primeiro ano.Ou seja, o rendimento por período sempre

Podemos ilustrar o rendimento de juros compostos por meio da tabela a seguir:

Tabela com juros compostos

Dessa maneira, percebe-se que o rendimento por período sempre se altera e cresce a medida que o investimento continua.

O efeito dos juros compostos

Comparando os juros simples e os juros compostos no mesmo exemplo de um investimento de R$1.000 com uma taxa de juros simples de 15% a.a.:

- Anúncios -

No primeiro ano, tanto no juros simples quanto no juros composto, o rendimento será de 150 reais.

Entretanto, no segundo ano, como vimos nas tabelas, sob juros simples o montante será de R$1.300, enquanto que sob juros compostos será de 1.322,50 reais.

A princípio, esse valor de R$22,50 de diferença possa não parecer muito depois de 1 ano. Entretanto, a diferença será enorme no longo prazo!

Para entender o poder dos juros compostos, vamos analisar um investimento com o valor inicial de R$ 100.000,00 durante um período de 15 anos. No gráfico abaixo, em azul, esse montante rende 10%a.a de forma simples. Enquanto que em laranja, o rendimento de 10%a.a. é aplicado de forma composta.

Gráfico Juros simples x Juros composto

Como resultado, após 15 anos o valor final desse investimento sob juros simples seria de R$ 250.000,00, enquanto que em juros composto seria de R$ 417.724,82.

Viram como realmente faz muita diferença os juros compostos nos investimentos?

Pois, então, a maioria das aplicações em investimentos remuneram por meio de juros compostos. Logo, se deixá-los investidos, seus rendimentos gerarão mais dinheiro ao longo do tempo. Isso é o que chamamos de juros sobre juros ou Efeito bola de neve.

O Efeito bola de neve

O Efeito bola de neve é um processo que começa a partir de um estado inicial de uma pequena ação e vai aumentando na medida que continua em movimento e o final é categoricamente muito maior que o início.

De fato, é realmente como uma bola de neve se formando quando começa a descer um penhasco. Igualmente, ela começa pequena e vai aumentando e aumentando enquanto ela estiver descendo o penhasco até se tornar uma grande bola de neve.

Da mesma forma, o pequeno patrimônio vai acumulando juros e vai aumentando de tamanho enquanto estiver sendo investido até se tornar um grande patrimônio.

Portanto, é preciso estar preparado, ter disciplina e um bom planejamento para investir almejando as grandes retornos que serão alcançadas somente no longo prazo

- Anúncios -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui