O que é inflação? Quais os principais índices que a medem e as diferenças entre eles

0
20
- Anúncios -

Você sabe o que a inflação? Sabe como a mesma funciona? Ou então, sabe, quais são os principais índices que medem as mesmas?

Muitas pessoas já ouviram falar sobre as inflações que o Brasil possui, mas você sabe quais são essas inflações, ou então quais as funções de cada uma?

Bom, por esse motivo, fizemos esse artigo, para que com o  mesmo, você possa tirar as suas duvidas em relação a esse tema.

Mas, em primeiro lugar, você deve saber, que para que possamos explicar, iremos usar informações que são atualizadas e que são confiantes.

O QUE SÃO OS ÍNDICES DE INFLAÇÃO?

Bom, os índices de inflação, são usados para que eles possam medir a variação dos preços e os impactos no custo de vida de uma certa população.

O índice geral de uma certa inflação, é gerado e calculado de acordo com uma cesta que contem , centenas de produtos, como por exemplo: celulares, tomates, sabonetes e entre muitos outros.

Essas cestas, podem variar de acordo com cada tipo de índice, onde existem mais de 400 tipos de produtos no IPCA, que no caso, é o índice de inflação “oficial” do país.

Porém, cada item presente nessa lista, pode conter um peso relativo, em relação ao índice geral.

- Anúncios -

Podemos contar como exemplo, a seguinte situação:

-O preço de um tomate sobe 50%, o consumidor paga por esse valor, mas a inflação geral não será no valor de 50%, pois o tomate tem uma influência nessa cesta.

OS DIFERENTES TIPOS DE ÍNDICES

Existem muitos tipos de índices de inflação, onde cada um desses tipos, apresentam uma metodologia e função diferente e essa medição, é feita por órgãos especializados, como por exemplo:

  • IBGE(Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística);
  • FGV(Fundação Getúlio Vargas);
  • FIPE(Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas);

No meio das coisas que diferenciam os índices, estão os seguintes exemplos:

  • Os dias que os índices são apurados;
  • Os produtos que incluem;
  • O peso deles na composição geral;
  • Faixa de população estudada;

Você sabe quais são os tipos de índice? Bom, veja a seguir os exemplos e a explicação de dois deles:

  • INPC(Índices de Preço no Consumidor);
  • IPCA(Índice de Preços no Consumidor Amplo);
  • IPCA -E(Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo Especial);
  • IPCA-15(Índice de Preços ao Consumidor Amplo-15);
  • IGP(Índice Geral de Preços);
  • IGP-10(Índice Geral de Preços 10);
  • IGP-DI(Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna);
  • IGP-M(Índice Geral de Preços do Mercado);
  • IPC-FIPE(Índice de preços ao consumidor do Município de São Paulo);
  • IPC-S(O Índice de Preços ao Consumidor Semanal);

Agora, veja a seguir a explicação de dois dos exemplos que foram citados na lista a cima, para que algumas das suas duvidas sejam respondidas:

  • IPCA(Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo): é por exemplo considerado a inflação “oficial” do país e é medido pelo IBGE( Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) entre os dias 1° e 30 de cada mês. Ele considera gastos como: alimentação e bebidas, comunicação,despesas pessoais,educação,habitação, entre outros.
  •  IPG-M(Índice Geral de Preços do Mercado): esse é monitorado pela FGV(Fundação Getúlio Vargas), ele realiza e registra a inflação de preços variados desde matérias-primas, até agrícolas e industrias.Serve para todas as faixas de renda e é muito usado em correções de alugueis e tarifas publicadas, como por exemplo a conta de luz e de água.

Bom, agora que você sabe a função de dois dos índices, você pode rever as suas duvidas e ver se elas foram realmente respondidas. Pedimos desculpas, caso alguma das suas duvidas não tenha sido respondida, portanto, caso você tenha interesse em saber mais sobre isso, recomendamos que você pesquise de forma profunda, cada um dos índices.

- Anúncios -
Lucas Souza é Empreendedor e Investidor há mais de 10 anos. Engenheiro eletricista pela USP, possui MBA em finanças pelo IBMEC e tem extensão em finanças University of Michigan. É o fundador da CIANO Escola de Finanças e Investimentos, Vice Presidente da Confederação Nacional de Jovens Empresários e também representa o Brasil na aliança Jovem Empreendedora do G20 pela CONAJE.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui